Como funciona o franchising? – Tudo sobre o modelo de negócio

como funciona o franchising
Original: wanghongliu [CC BY-SA 3.0 (https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0)], via Wikimedia Commons

Este modelo de negócio dificilmente será o ponto de partida para 99% das pessoas que se aventuram no empreendedorismo… Mas a informação é um recurso extremamente precioso e saber como funciona o franchising pode ajudar-te a tomar decisões mais bem informadas.

Se tiveres alguma dúvida, sugestão, correção a fazer, ou caso queiras entrar em contacto, seja por que motivo for, envia-me uma mensagem!

Como funciona o franchising?

O franchising é um modelo de negócio que tem na sua base um acordo entre duas partes – o franchisador e o franchisado.

Nota: Em alguns casos, poderá existir uma terceira parte que liga as duas anteriores. Alguém que adquire os direitos para um território extenso, como por exemplo Portugal, e depois é responsável por subsfranchisar as várias unidades.

Antes de avançar muito mais, vamos olhar para o perfil destas duas partes com mais atenção.

Quem é o franchisador?

O franchisador é qualquer empresa que tem um negócio bastante lucrativo e está muito motivada para expandir de forma rápida o seu modelo de negócio.

A empresa decide escolher o franchising como modelo de negócio, em parte, em função dos desafios que uma expansão rápida implica.

Alguns desses desafios são:

  • Capital

Comprar ou arrendar os espaços necessários para implementar este tipo de expansão tem um peso muito significativo para as contas da empresa.

  • Organizacional

Gerir cada um destes novos espaços implica ter que contratar pessoas e desenvolver uma série de funções administrativas necessárias para o bom funcionamento do espaço.

  • Falta de conhecimento sobre novos territórios

Ainda que a empresa tenha um negócio perfeitamente viável, existem alguns desafios imprevisíveis relacionados com a cultura e a geografia de cada região.

Quem é o franchisado?

O franchisado é alguém que quer desenvolver um negócio, conhece as especificidades de determinada região e tem capital para investir ou alguma facilidade em obter financiamento.

Da mesma forma, esta pessoa é atraída pelo franchising, em parte, em função de alguns desafios.

Alguns desses desafios são:

  • Ideias para produtos

Apesar de o franchisado ter as ferramentas necessárias para gerir um negócio, não pretende passar pelo processo abstrato de criar e desenvolver uma empresa.

  • Know-how

O franchisado pode não dominar totalmente ferramentas ao nível do marketing e da gestão, pode não conhecer suficientemente bem a área de negócio e, apesar de ter capital, esta falta de know-how impede-o de o aplicar de forma segura e rápida.

  • Capital

Os fundos do franchisado podem não ser suficientes para comprar propriedade, alugar equipamento, comprar publicidade, etc.

O contrato de franchising

Agora que conhecemos um pouco melhor as duas parte que sustentam este modelo de negócio, vamos observar a natureza do acordo que elas celebram para o pôr em ação.

Como é óbvio, vamos olhar apenas para os pontos mais importantes.

Os passos que se seguem à celebração deste contrato são:

  • O franchisado paga o direito de entrada inicial.

A média rondará os €40.000, mas é possível encontrar franchisings cujo direito de entrada inicial ronda os €10.000.

  • O franchisado recebe formação.

São abordadas as regras de utilização da imagem e propriedade intelectual da empresa, e toda a parte técnica do negócio.

  • Em conjunto, as duas partes estudam a região e escolhem o local.

O franchisador ajuda a estabelecer a unidade e o franchisado tem uma garantia de que a atividade da empresa naquela área lhe está reservada.

  • O franchisado faz as encomendas iniciais, respeitando estritamente o sistema do franchisador.

O franchisado participa ou não no plano de marketing, apenas com contribuição financeira ou com atividade individual,

  • O franchisado aceita o pagamento de royalties.

Tipicamente, a rondar os 5% e 10% do volume das vendas, pagos de forma recorrente.

Agora tens uma ideia de como funciona o franchising,

Deixe um comentário